Juro Zero destina R$ 2,7 milhões no mês de julho para empreendedores catarinenses
Sex, 16 de Agosto de 2013 18:35
Durante o mês de julho, o Programa Juro Zero destinou R$ 2,7 milhões em 960 operações de microempreendedores individuais de Santa Catarina. Desde sua implantação, há quase dois anos, o programa já atingiu a marca de R$ 45,5 milhões em empréstimos em 16.245 operações.
As regiões com o maior número de movimentação financeira em julho, por meio das instituições de microcrédito foram Florianópolis, com quase R$ 540 mil; São Miguel do Oeste, com R$ 390 mil; Blumenau, com R$ 226 mil; e Lages, com R$ 216 mil. O principal benefício é isenção dos juros para quem paga as sete primeiras parcelas em dia.
A maior parte dos empréstimos é solicitada por vendedores autônomos e prestadores de serviço. “O objetivo agora é ampliar o benefício para as microempresas, com empréstimos de R$ 15 mil a R$ 100 mil. A expectativa é de iniciar as operações ainda este ano”, salienta o presidente da Agência de Fomento de Santa Catarina (Badesc), João Paulo Kleinübing.
O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Paulo Bornhausen, destaca o sucesso do programa a anuncia outras novidades. “Já ultrapassamos a primeira meta, que era de 10 mil operações. Agora, vamos levar o Juro Zero para dentro das agências do Sine de todo o estado. Como registrou o principal jornal de economia do país, o Valor Econômico, em sua edição de 30/07, este é o maior programa de inclusão social do estado. O próprio Valor é que afirma: é modelo para o país”.
Além do empréstimo, os microempreendedores com faturamento bruto anual de até R$ 60 mil, recebem uma consultoria em gestão e inovação do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae/SC). Para o diretor de administração e finanças da instituição, Sérgio Cardoso, o acompanhamento de consultores do Sebrae/SC é fundamental para que o recurso seja bem aplicado. "O programa é inovador por isso: oferece crédito sem juros e consultoria gratuita para que o empresário otimize ao máximo esse aporte", sustenta. O Juro Zero também tem o apoio da Associação das Organizações de Microcrédito de Santa Catarina (Amcred/SC).
Saiba como se beneficiar do Programa Juro Zero.

Durante o mês de julho, o Programa Juro Zero destinou R$ 2,7 milhões em 960 operações de microempreendedores individuais de Santa Catarina. Desde sua implantação, há quase dois anos, o programa já atingiu a marca de R$ 45,5 milhões em empréstimos em 16.245 operações.

As regiões com o maior número de movimentação financeira em julho, por meio das instituições de microcrédito foram Florianópolis, com quase R$ 540 mil; São Miguel do Oeste, com R$ 390 mil; Blumenau, com R$ 226 mil; e Lages, com R$ 216 mil. O principal benefício é isenção dos juros para quem paga as sete primeiras parcelas em dia.

A maior parte dos empréstimos é solicitada por vendedores autônomos e prestadores de serviço. “O objetivo agora é ampliar o benefício para as microempresas, com empréstimos de R$ 15 mil a R$ 100 mil. A expectativa é de iniciar as operações ainda este ano”, salienta o presidente da Agência de Fomento de Santa Catarina (Badesc), João Paulo Kleinübing.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Paulo Bornhausen, destaca o sucesso do programa a anuncia outras novidades. “Já ultrapassamos a primeira meta, que era de 10 mil operações. Agora, vamos levar o Juro Zero para dentro das agências do Sine de todo o estado. Como registrou o principal jornal de economia do país, o Valor Econômico, em sua edição de 30/07, este é o maior programa de inclusão social do estado. O próprio Valor é que afirma: é modelo para o país”.

Além do empréstimo, os microempreendedores com faturamento bruto anual de até R$ 60 mil, recebem uma consultoria em gestão e inovação do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae/SC). Para o diretor de administração e finanças da instituição, Sérgio Cardoso, o acompanhamento de consultores do Sebrae/SC é fundamental para que o recurso seja bem aplicado. "O programa é inovador por isso: oferece crédito sem juros e consultoria gratuita para que o empresário otimize ao máximo esse aporte", sustenta. O Juro Zero também tem o apoio da Associação das Organizações de Microcrédito de Santa Catarina (Amcred/SC).

 

Secretaria de Estado de Comunicação - 16/08/2013

Link de origem 

 

Bookmark and Share

 

Juro Zero 100%!

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE) de Santa Catarina criou o programa Juro Zero para os microempreendedores individual (MEIs). Com o Juro Zero, a SDE promove o crescimento econômico do Estado, atuando junto à base da economia. O programa está presente em 100% do território catarinense, com mais de R$ 260 milhões concedidos em linhas de crédito.

 
  
      twitter2 facebook2 rss2

© 2011 - Desenvolvimento CIASC